7 de junho de 2016

A Garota do Calendário: Janeiro


A Garota do Calendário: Janeiro
Autora: Audrey Carlan
Editora Verus
Número de Páginas: 144
Onde Comprar: Saraiva
Sinopse: Ela precisava de dinheiro. E nem sabia que gostava tanto de sexo. O fenômeno editorial do ano e best-seller do New York Times, USA Today e Wall Street Journal. Mia Saunders precisa de dinheiro. Muito dinheiro. Ela tem um ano para pagar o agiota que está ameaçando a vida de seu pai por causa de uma dívida de jogo. Um milhão de dólares, para ser mais exato. A missão de Mia é simples: trabalhar como acompanhante de luxo na empresa de sua tia e pagar mensalmente a dívida. Um mês em uma nova cidade com um homem rico, com quem ela não precisa transar se não quiser? Dinheiro fácil. Parte do plano é manter o seu coração selado e os olhos na recompensa. Ao menos era assim que deveria ser... Em janeiro, Mia vai conhecer Wes, um roteirista de Malibu que vai deixá-la em êxtase. Com seus olhos verdes e físico de surfista, Wes promete a ela noites de sexo inesquecível — desde que ela não se apaixone por ele.

Minha Opinião: A Garota do Calendário: Janeiro foi uma grata surpresa da Verus Editora que enviou uma prova não revisada, antes da publicação oficial do livro em 20 de Junho.

Audrey Carlan narrou uma história fantástica, pense em coisas como Uma Linda Mulher e adicione cenas sensuais, eróticas e de sexo e temos a narrativa de A Garota do Calendário. A autora tem uma narrativa simples, leve e graciosa que te leva ao final do livro sem você perceber.

Acompanhamos a história de Mia Saunders, uma moça que está procurando formas de ajudar seu pai pagar as dívidas que fez com seu último namorado, totalizando 1 milhão. Sem ter como ajudá-lo, a tia de Mia lhe oferece o emprego de acompanhante por 12 meses, tendo que trabalhar com um homem por mês. A garota recusa, mas depois pensa melhor, o dinheiro é uma bolada e sua tia deixa claro que ela não faz serviços relacionados com sexo, mas se ela decidir fazer isso terá um adicional de 20%.

E então conhecemos o primeiro homem que Mia irá acompanhar: Weston Charles Channing III ou apenas Wes para os mais intímos. 

Wes é um homem rico, charmoso e ainda a personificação da beleza, o que era para ser uma história rápida para o mês de Janeiro se transforma num romance leve. 

Mia e Wes se tornam amigos com uma cumplicidade divertida e claro surge a atração também que resulta nas cenas de sexo do livro, mas não fica só nisso. Durante a leitura, acompanhamos jantares de gala, a relação da família de Wes, os negócios e alguns amigos que complementam toda a trama. 

Tanto Wes quanto Mia não querem se apaixonar, mas é exatamente isso que acontece e os dois tem que lidar com sua ligação e amizade, enquanto Mia parte para o cara do próximo mês.

Uma narrativa leve, gostosa de ler, com um homem lindo, uma garota forte, erotismo, sexo e uma história muito doce para acompanhar. A Garota do Calendário: Janeiro é um ótimo livro pra ler apenas em um dia e ficar querendo logo as continuações.

15 de fevereiro de 2016

O Regresso


O Regresso
Direção: Alejandro Gonzáles Iñárritu
Protagonistas: Leonardo DiCaprio, Tom Hardy e Domhnall Gleeson
Duração: 2h36min
Gênero: Aventura
Nacionalidade: EUA
Sinopse: 1822. Hugh Glass (Leonardo DiCaprio) parte para o oeste americano disposto a ganhar dinheiro caçando. Atacado por um urso, fica seriamente ferido e é abandonado à própria sorte pelo parceiro John Fitzgerald (Tom Hardy), que ainda rouba seus pertences. Entretanto, mesmo com toda adversidade, Glass consegue sobreviver e inicia uma árdua jornada em busca de vingança.




SPOILER ABAIXO



O Regresso é um filme que está concorrendo ao Oscar de Melhor Filme, Melhor Ator (Leonardo DiCaprio) e Melhor Coadjuvante (Tom Hardy). Assisti o filme e estou deixando aqui minha opinião sobre o que achei do filme.

O Regresso é um filme de duas horas e trinta e seis minutos que conta a história de Hugh Glass, um homem que é atacado por um urso e fica extremamente ferido. As pessoas que o acompanham decidem continuar viagem, exceto John Fitzgerald (que fica por decisão do grupo) e mais dois jovens, sendo um deles o filho de Glass.

Com os índios perseguindo, o frio e várias adversidades, Fitzgerald mata o filho de Glass e engana o outro jovem para que abandonem Glass ferido e sem possibilidade de seguir em frente. Movido pela raiva e a chama da sobrevivência, Glass começa sua jornada para voltar para seu grupo e obter sua vingança sobre John. 

O filme é muito bom. Excelente figurino, cenas, maquiagem, paisagem.

Antes de assistir ao filme, procurei várias críticas para ter a certeza de que iria assistir. O que mais vi em diversas críticas é que Leonardo DiCaprio teve uma atuação excepcional, que era possível ver em seus olhos a solidão e a raiva. 

Não sou crítica de cinema, mas posso dizer o que achei do filme e da atuação, me decepcionei com o Leonardo. Não me entenda mal, o filme realmente é um show, mas quando entrei na sala de cinema estava procurando o olhar de solidão e raiva que li em diversas críticas pela internet.

No filme Náufrago de 2001 estrelado por Tom Hanks, eu senti a solidão do personagem. Seus olhos pareciam estar a beira das lágrimas e também chegando a loucura. O filme é um espetáculo e até hoje nos lembramos da bola Wilson criada para lhe ajudar a superar a solidão.

DiCaprio passa mais da metade do filme se arrastando (sua perna estava ferida), respirando em alto som e nadando em algumas cenas, mas não senti a conexão. O filme é um show em todos os pontos, principalmente por conseguir manter o espectador atento com os poucos diálogos existentes.

O filme é espetacular em seus diversos pontos. O enredo levemente clichê, mas bem trabalhado, Tom Hardy realmente foi convincente em seu papel de antagonista, é possível sentir raiva de seu personagem durante todo o filme.

Por fim, O Regresso é um filme que dá show em seus diversos momentos e realmente muito bem trabalhado, possui poucos diálogos, poucas cenas de ação e um homem que luta para sobreviver para obter sua vingança.

3 de fevereiro de 2016

Sonhos de Liberum


Sonhos de Liberum
Autora: Susana C. Júdice
Chiado Editora
Número de Páginas: 392
Onde Comprar: Chiado
Sinopse: Preparada para se tornar líder do Reino de Essentia, Gweniver vê a sua vida invadida por uma profecia tornada realidade: ela é a escolhida, com ligação aos cinco elementos mágicos e o principal alvo de Galium, um rei maléfico obcecado em impedir o cumprimento da profecia.

                Do meio do caos surge Dominic, um misterioso soldado determinado a proteger Gweniver, até com a própria vida. Juntos vão tentar desvendar a localização das flechas mágicas, enfrentando perigos inimagináveis com a missão de derrotar a ditadura de Galium.
                O amor que cresce entre ambos poderá ser a salvação ou a perdição da profecia e, ainda, a morte de Gweniver...

Minha Opinião: Sonhos de Liberum é o livro da autora portuguesa Susana C. Júdice e conta a história de Gweniver, uma jovem princesa de Essentia que acaba de completar 18 anos e se prepara para ser apresentada ao seu povo. Mas o que não esperava, era o palácio ser invadido por soldados de um governante mágico do reino de Liberum conhecido por Galium.

Galium quer destruir Liberum. Uma profecia foi lançada - uma criança com ligação aos cinco elementos irá acabar com Galium e libertar Liberum. Mas essa profecia também está em risco, quando os soldados de Galium invadem o palácio, Dominic um dos soldados jura proteger Gweniver e nossa aventura se inicia.


Galium, o vilão, é um personagem muito interessante. O ambiente na qual foi criado influenciou suas escolhas e seu modo de enxergar o mundo, sua personalidade e sagaz, inteligente e por vezes revoltado. 

A autora trabalhou bem nos personagens, principalmente Dominic dominado pela vontade de fazer a coisa certa em sua vida e isso incluía se revoltar contra Galium. Sua jornada de dúvidas e apoio a Gweniver é realmente uma das parte mais brilhantes dentro do livro. Os personagens secundários foram os alívios cômicos.

O destaque maior fica com a construção do Universo do livro, desde reinos, ao uso da magia, locais visitados. Todos foram bem construídos pela autora e tem uma ligação entre si, feiticeiras e feitiços também são presentes na obra que achei totalmente crível e muito bom.

O livro é um pouco confuso no seu começo, a história parece estar passando rápido, mas aos poucos tudo entra nos eixos e somos apresentados ao Universo que está cheio de magia e mensagens sobre liberdade.

Com uma história de amor, vingança, batalhas e dúvidas Sonhos de Liberum é um livro bem escrito e bem explorado que garante deliciosas horas de leitura.

31 de janeiro de 2016

Voliveira Writer



Olá, leitores! 


Estou pela primeira vez mostrando aqui minha decisão de ter uma plataforma de divulgação para meus textos e fanfics.

Por isso deixarei aqui a apresentação utilizada no blog que criei, mas antes disso deixarei links de redes sociais e do blog.






É um prazer que tenha entrado no meu blog para participar das discussões e conhecer meus textos. Fique confortável, faça um lanchinho e vamos conversar.

Meu nome é Vanessa de Oliveira, mas conforme entrei nesse mundo da escrita utilizei vários pseudônimos para cadastro em sites: Nessa450, Kahlan450 entre outros, mas o nome mais popular é a mistura de meu nome é sobrenome.

Voliveira, a junção do nome e sobrenome de "Vanessa de Oliveira". Nasci e resido em Guararapes, São Paulo, desde meu nascimento em 1996. Meu coração encontrou as histórias quando ainda era pequena e amava assistir Power Rangers e o seriado CSI que é uma de minhas maiores paixões. 

Talvez seja essas influências que me levou a escrever muitas fanfics e também inventar as próprias histórias que falam de amor, perdas, suspense, morte, mistério.

Esse blog surgiu na ideia de juntar todos os sites que publico minhas histórias para ficar de fácil acesso para aqueles que já me conhecem e para quem quiser se juntar ao meu mundo. Escrevo histórias de diferentes gêneros.

O número de fanfics desse blog pode ser um pouco maior do que de histórias originais, pois escrevo em sites de fanfic desde muito nova. As ideias para histórias de minhas autorias demoram mais para serem trabalhadas, por isso, espero que goste das ideias de enredos para as histórias existentes e apreciem a minha imaginação durante histórias originais que meu cérebro possui e minhas mãos se ocupam a escrever.

Para ter acesso as minhas histórias clique no link que levará aos respectivos sites que utilizo:


Fanfiction.net: https://www.fanfiction.net/u/6045492/Voliveira
Need for Fic: http://s1.zetaboards.com/Need_for_Fic/single/?p=1196454&t=2734984
Nyah Fanfiction: https://fanfiction.com.br/u/71946/
Wattpad: https://www.wattpad.com/user/Nessa450
Fiction Press: https://www.fictionpress.com/u/1017815/Voliveira

17 de janeiro de 2016

TAG: Glam Cinderella



Olá, amantes!

Dia 12/01 foi aniversário do autor Charles Perrault, pai da Cinderela e outras tantas histórias infanto-juvenis. Por isso, em homenagem ao mesmo a Paloma do blog Monólogo de Julieta criou a TAG: Glam Cinderella. Venha conferir:

1- Glam Cinderella- Um livro glamouroso que você comprou somente pela capa

Eu já havia ouvido falar sobre Paula Pimenta, mas simplesmente nunca me preocupei em comprar nada dela até me deparar com esse livro. Não sou fã da cor rosa, mas tinha pipoca na capa, dvd e ingressos de filmes. Perfeito!




2 - A Madrasta - O pior livro que você leu na vida

Escolher um livro para ser chamado de pior foi difícil, eu sempre tento ver alguma parte interessante que possa salvar uma história. Eu não li os outros das série Beijada por um Anjo, mas achei esse muito vago, os personagens perdia o foco, a única escapatória foi o suspense que deixou o livro mais ou menos interessante. Resenha.




 3 - As Irmãs Más- Cite dois livros que maltrataram sua mente

Esse livro maltratou minha mente em dois pontos. O vilão matando uma criança e a tortura de 12 páginas, se não me engano, um tortura difícil de ler num nível muito forte. Resenha.

Clube da Luta é um livro um pouco confuso e que maltrata sua mente por você nunca imaginar que realmente é aquilo que está acontecendo.




4 - Hora da Faxina- As irmãs más e a madrasta saíram para comprar roupas e sapatos para o baile e você ficou em casa cuidando da faxina - Cite um livro "sujo" (com muitos palavrões, conteúdo forte) que você possa ter gostado ou não.

Eu não costumo ler livros com conteúdo sujo, mas sempre leio os considerados eróticos que a editora manda (bem leves). No caso desse livro, o personagem pensa muito em sexo e utiliza palavrões durante toda a narrativa, além do sexo em si presente no livro.





5 - Carruagem de Abóbora - Um livro que fez você viajar por diversos lugares

Kiko Nogueira é o chato das viagens. Sim! Foi ironia! Esse livro é de um viajante cheio de humor que mostra as partes divertidas das viagens, além de contar sobre os lugares que passou. Resenha.




6 - O Grande Baile- Cite um evento que aconteceu em um livro que você queria ter participado

A história de um homem que precisa reconquistar sua mulher dentro do casamento é lindo demais! E a cena na qual eles se casam pela segunda vez é um evento que eu gostaria de ter participado. Resenha.




7- Sapatinho de Cristal - Um livro que você perdeu, vendeu ou trocou e gostaria de ter novamente na estante.

Eu simplesmente amo esse livro e emprestei para um amigo do meu antigo emprego. Ele mudou de cidade e levou meu precioso com ele. Resenha.



8 - Depois da Meia Noite- Um livro que você queria muito ler, mas que perdeu o encanto depois de algumas páginas.


Quando esse livro foi anunciado, achei a sinopse simplesmente cheia de suspense e ainda citava Hitchcock. Minha decepção começou logo depois de 20 páginas. Resenha.



9 - O Príncipe - Um personagem que pisou na bola em um relacionamento, mas depois correu atrás do prejuízo

Na verdade, esse é o último livro de uma trilogia chamada Verão. Nos dois primeiros, o personagem Conrad só pisa na bola, mas é nesse último livro que ele corre atrás do prejuízo.



10 - Fada Madrinha - Um livro que tirou você de uma pesada ressaca literária

Uma curiosidade sobre mim: Um Amor para Recordar é o único livro que leio todos os anos para sair da ressaca e refletir. Cada vez que leio tenho um aprendizado diferente e lágrimas. Resenha.


                       
~Indicações~
A TAG especifica a indicação de cinco blogs ao final.




Proxima  → Página inicial